PRF apreende 700 kg de carne suína clandestina que viraria linguiça e seria vendida no comércio


||| Ao fiscalizar o veículo, os agentes encontraram cerca de cinco porcos caipiras, já abatidos e limpos, transportados no assoalho da carroceria do carro misturados com mosquitos, poeira, sem refrigeração e sem documentação

FERNANDA MORAIS

No final da tarde de terça-feira (26.fev), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu cerca de 700 quilos de carne suína clandestina em Anápolis.

A carga era transportada em Fiat Strada e o carro foi parado em abordagem porque o condutor e passageiro estavam sem cinto de segurança.

Ao fiscalizar o veículo, os agentes encontraram cerca de cinco porcos caipiras, já abatidos e limpos, transportados no assoalho da carroceria do carro misturados com mosquitos, poeira, sem refrigeração e sem documentação.

O condutor do veículo disse aos policiais que tem uma fábrica de fazer linguiça em Anápolis e comprou os animais em propriedades rurais da região, por valores bem inferiores aos cobrados pelo mercado.

O condutor disse ainda que a linguiça que produziria seria para abastecer bares, restaurantes e supermercados anapolinos.

A PRF acionou a Vigilância Sanitária e dois fiscais do órgão foram até o local da abordagem, considerando o produto impróprio para o consumo. O gerente do órgão, Gúbio Dias Pereira, confirmou que a carne era transportada sem controle de temperatura e sem comprovação de origem.

“Não veio de um frigorífico onde é exigido a inspeção para controle de qualidade para atestar que a carne está apta a ser consumida”, explicou o gerente, acrescentando que toda mercadoria foi apreendida e será descartada.

Gúbio Dias afirmou ainda que o dono da carga foi autuado e ainda vai pagar uma multa.

“O Código Sanitário prevê que por esse motivo pode ser aplicada infração que pode variar de R$ 150 a R$ 80 mil. Claro que tudo de acordo com o risco sanitário e porte econômico", concluiu.

#prf #apreensão #anápolis #carneclandestina

Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita dos responsáveis pelo Anápolis 360 graus. Editado por eLive Produções.

Estamos nas redes sociais

  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo