Luciana Sinzimbra detalha fatos que levaram Justiça a decretar prisão de Victor


||| Advogada relata que madrugada de 4 de maio foi decisiva para que juíza decretasse a prisão, pois o piloto rondou sua casa de maneira insistente, fazendo com que o botão do pânico que estava com ela apitasse por diversas vezes e a polícia entrasse em contato

FERNANDA MORAIS

O piloto Victor Augusto do Amaral Junqueira, filmado agredido a ex-namorada Luciana Sinzimbra em dezembro do ano passado em Goiânia, se apresentou espontaneamente ao Grupo de Capturas e Apoio Operacional (CAOP) da 3ª Delegacia Regional da Polícia Civil de Anápolis na segunda-feira (17.jun), e foi conduzido à unidade prisional da cidade, onde se encontra à disposição do Poder Judiciário.

A sua prisão preventiva foi decretada pelo 4º Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Goiânia, e teve como responsável a juíza Liliana Bittencourt. O motivo foi o descumprimento de medidas protetivas em favor da vítima. Victor Augusto é filho do ex-prefeito de Anápolis Eurípedes Junqueira. Luciana Sinzimbra é advogada e, embora a ocorrência tenha sido registrada em Goiânia, o casal é de Anápolis.

Na manhã desta terça-feira (18.jun), em conversa com a reportagem do Anápolis 360°, Luciana Sinzimbra detalhou todas as tentativas de aproximação do ex-namorado. Veja a cronologia apresentada por ela até que fosse decretada a prisão do piloto.

■No dia 15 de dezembro de 2018 Luciana foi agredida em seu apartamento em Goiânia e registrou a violência em um vídeo feito por celular. No mesmo dia a advogada registrou a ocorrência na Polícia Civil e recebeu a determinação da medida protetiva. O ex-namorado não poderia entrar em contato com ela por nenhum meio de comunicação e se manter distante dela no mínimo 300 metros.

■A delegada que recebeu o caso chegou a solicitar ao Judiciário um pedido de prisão preventiva ao ter indícios que apontavam que Victor poderia sair do Brasil.

■A Justiça não acatou o pedido de prisão, mas solicitou a entrega do passaporte do piloto e pediu que ele comparecesse diante do Judiciário de 20 em 20 dias para comprovar sua permanência em Anápolis. Ele também não poderia sair da comarca local.

■No dia 26 de janeiro de 2019, Luciana informou que o ex-namorado mudou de número e tentou fazer contato com ela por telefone, enviando mensagem e fazendo ligação. A vítima não atendeu a chamada e viu que o piloto apagou as mensagens antes que ela visualizasse o conteúdo.

■Novamente Luciana informou à Justiça sobre essa tentativa de aproximação e dessa vez o Judiciário determinou a colocação de tornozeleira eletrônica para monitoramento de Victor Junqueira. Ela também recebeu um botão antipânico que a mantém informada de qualquer tentativa de aproximação do agressor.

■Luciana contou que Victor colocou a tornozeleira um mês após a determinação da Justiça porque houve muita insistência feita por sua defesa.

■“Várias vezes quando eu estava em Anápolis o botão do pânico apitava, mas era porque ele passava por mim, até então tudo bem”, detalhou a vítima. E continuou: “até que no dia 4 de maio de madrugada, por volta das 2h55, o botão apitou incessantemente. A polícia então entrou em contato e me disse que ele estava rondando a minha casa”, continuou.

■De acordo com Luciana, a polícia acionou Victor informando que ele estava em área de exclusão, mas ele ignorou o alerta e continuou rondando a casa da ex-namorada.

■“Ele ficou de 2h55 até 3h50 da madrugada rodando. Por isso noticiei a Justiça sobre esse descumprimento e agora saiu a decisão da prisão. No dia 17 de junho ele se apresentou espontaneamente em Anápolis”, concluiu.

Advogada Luciana Sinzimbra tinha botão de pânico para denunciar presença do ex-namorado

#lucianasinzimbra #violênciadoméstica #prisão #anápolis #victorjunqueira

Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita dos responsáveis pelo Anápolis 360 graus. Editado por eLive Produções.

Estamos nas redes sociais

  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo