Dos 23 vereadores de Anápolis, 11 mudam de partido na janela do TSE


||| Progressistas surge com a maior bancada e em seguida vem o PT, que não teve mudanças. Deixam de existir na Câmara o PSDB, PTB, Podemos, Patriota e PSL

MARCOS VIEIRA

Com o fim da janela partidária nesta sexta-feira (3.abr), período em que o TSE autorizou vereadores a trocarem de partido, cinco siglas deixam de existir na Câmara Municipal de Anápolis: PSDB, PTB, Podemos, Patriota e PSL.

Em compensação, passam a ter vereadores no Legislativo municipal o PP, DEM e PSD.

Dos 23 vereadores, 11 trocaram de partido. Veja a seguir a composição das bancadas:

PP Américo (ex-PSDB) Deusmar Japão (ex-PSL) João Feitosa (ex-PTB) Leandro Ribeiro (ex-PTB) Thaís Souza (ex-PSL)

PT Alfredo Landim Professora Geli Sanches Lisieux José Borges Luiz Lacerda

PSC Lélio Alvarenga Mauro Severiano (ex-PSDB) Wederson Lopes

DEM Jean Carlos (ex-PTB) João da Luz (ex-PODE) Pedro Mariano (ex-Patriotas)

PMN Luzimar Silva (licenciado, em seu lugar está o suplente Sargento Anderson, que também é PMN) Teles Júnior

PDT Fernando Paiva (ex-PODE) Valdete Fernandes

PV Domingos de Paula

MDB Elinner Rosa (não será candidata à reeleição)

PSD Pastor Elias Ferreira (ex-PSDB)

PSB Jakson Charles

#anápolis #notícias #eleições2020 #janelapartidária #câmaramunicipaldeanápolis #trocadepartidos #vereadores