"Debate sobre candidaturas deve ser feito no diretório", diz Adriano Baldy

Atualizado: 15 de Jun de 2020

Adriano Baldy diz que deputado deve tratar de sua pré-candidatura internamente, em uma alusão às críticas que ele tem feito via imprensa



MARCOS VIEIRA


O presidente do PP de Anápolis, Adriano Baldy, divulgou nota rebatendo declarações recentes do deputado estadual Coronel Adailton, que em entrevista a uma rádio questionou o apoio da sigla à reeleição do prefeito Roberto Naves.


Também pré-candidato, Adailton reafirmou o desejo de ir para a convenção com Roberto e, caso entenda que há qualquer inclinação da direção do PP para o prefeito, questionará o resultado na Justiça.


O deputado também fez críticas à postura do presidente do PP de Goiás, Alexandre Baldy, que segundo ele, embora esteja na direção do partido, se mantém distante, pois é secretário do Governo de São Paulo.


Segundo Adriano Baldy, caso Coronel Adailton alimente o desejo de disputar a eleição de prefeito pelo PP, deve debater o assunto no diretório municipal, em uma clara alusão ao fato de o deputado falar sobre as divergências internas em veículos de comunicação.


Adriano sai em defesa do irmão Alexandre. Diz, por exemplo, que o PP cresceu em Goiás, passando dos 22 prefeitos eleitos em 2016 para 46 prefeitos filiados atualmente.


A nota também cita recursos financeiros conseguidos por Alexandre Baldy para obras em Anápolis, quando o político foi ministro das Cidades, ressaltando o compromisso dele com a cidade.


Leia a nota na íntegra:


Em virtude das diversas notícias sobre pré-candidaturas à prefeitura de Anápolis, o presidente do Progressistas Anápolis, atual secretário de Cultura do Estado de Goiás e ex-secretário de Desenvolvimento Econômico da cidade, Adriano Baldy, esclarece que qualquer tratativa nesse sentido é feita junto aos dirigentes do partido local.


Vale reforçar, ainda, que o compromisso do Progressistas e seus dirigentes com Anápolis é mostrado todos os dias por meio do trabalho já realizado com resultados contínuos. Por exemplo, investimentos em saneamento para evitar a falta d’água, que foram viabilizadas pelo ex-ministro das Cidades e atual presidente do Progressistas Goiás, Alexandre Baldy. Além de mais R$ 50 milhões para garantir o asfaltamento de mais de oito bairros, ação que está sendo evoluída nos dias atuais pelo atual prefeito Roberto Naves; investimentos na infraestrutura e equipamentos para melhorar a Saúde, inclusive para a causa animal, com a compra de um castramóvel; entrega de 512 unidades habitacionais do Conjunto Colorado, e outras milhares de autorizações entre faixas 1,5, 2 e 3 do programa “Minha Casa, Minha Vida” e várias outras ações que seguem levando à população anapolina mais qualidade e dignidade de vida.


Por fim, esclarece que, caso o deputado estadual Coronel Adailton vislumbre qualquer intenção de disputar o pleito por meio do Progressistas, esse assunto deve ser debatido com o diretório municipal de Anápolis, conforme prevê a legislação eleitoral.

O Progressistas Goiás se dedicou em reorganizar o partido para que fossem lançadas candidaturas em mais de 120 cidades em todo Estado de Goiás, além de passar de 22 prefeitos eleitos em 2016 para 46 prefeitos filiados atualmente. Um dos maiores crescimentos partidários do Estado, fruto do trabalho e dedicação da bancada estadual e federal, mas, sobretudo, com a liderança do presidente estadual Alexandre Baldy.


Adriano Baldy

Presidente do Progressistas de Anápolis

Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita dos responsáveis pelo Anápolis 360 graus. Editado por eLive Produções.

Estamos nas redes sociais

  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo