Bares fechados elevam casos de perturbação do sossego público

Polícia Militar teve bastante trabalho em Anápolis ao coibir aglomerações em festas particulares



FERNANDA MORAIS


A Polícia Militar em Anápolis teve um final de semana de muito trabalho, principalmente no que diz respeito às ocorrências de perturbação do sossego público. Com o novo decreto que proíbe abertura de bares e restaurantes das 22h de sexta-feira até às 5h de segunda-feira, o problema foi a quantidade de festas realizadas em casa.


O comandante do 3º CRPM, coronel Paulo Roberto de Oliveira (foto), informou nesta segunda-feira (6.jul) que os telefones da corporação ficaram congestionados e muitas pessoas reclamaram que não conseguiram fazer as suas denúncias.


“Foram muitas as denúncias. Em uma delas fomos acionados para verificar uma festa no Jardim Alexandrina. No local tinha 18 pessoas, bebidas alcoólicas e música alta. Os presentes disseram aos policiais que tinham autorização da Postura para fazer o evento, mas é claro que isso não existe e a festa foi encerrada”, disse o comandante.


Paulo Roberto informou ainda que a PM está trabalhando para que seja cumprido o último decreto editado pela Prefeitura de Anápolis. Todas as ações da corporação, de acordo com o oficial, acontecem em parceria com a Vigilância Sanitária e também com a Gerência de Postura.


“Nesse momento de pandemia, que estamos vendo aumento de ocupação nos leitos hospitalares, mais que uma questão de cumprimento das leis, trata-se de respeito ao próximo, de preservação da vida, principalmente [das pessoas] dos grupos de risco”, frisou.


Ainda de acordo com o coronel, a Polícia Militar vai começar a realizar blitzen a partir desta segunda-feira (6.jul), com objetivo de coibir aglomeração em toda a cidade. “Vamos trabalhar para fazer prevalecer a lei. Lembrando que as infrações geram multa e ainda o registro de um Termo Circunstancial de Ocorrência. Vamos prezar pela convivência pacífica entre os vizinhos. Não é hora de promover aglomerações”, reforçou.

Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita dos responsáveis pelo Anápolis 360 graus. Editado por eLive Produções.

Estamos nas redes sociais

  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo