Jornalista esportivo Mané de Oliveira morre aos 80 anos

Profissional tinha passagens pelo rádio, televisão e jornal e foi deputado estadual; ele lutava contra um câncer desde setembro de 2020



DA REDAÇÃO


Morreu neste sábado (13.fev), em Goiânia, o jornalista esportivo e ex-deputado estadual Manoel José de Oliveira, o Mané de Oliveira. Ele tinha 80 anos de idade e lutava, desde setembro do ano passado, contra um câncer de pulmão, fígado e intestino.


Mané era natural de Pires do Rio. Ele foi eleito deputado estadual por duas vezes: em 1986 e em 2014, sendo o mais votado com 62.655 votos.


Mané era pai do também radialista esportivo Valério Luiz, assassinado em 2012, em Goiânia. Além de Valério, ele também teve outros sete filhos: Marcelo Anderson, Cláudia, Patrícia, Eduardo, Manoel José, Matheus e Manuella.


Mané atuou profissionalmente nas rádios Sagres, Difusora e Brasil Central em Goiânia, e Carajá, em Anápolis.


Na televisão, trabalhou na extinta TV Goyá e na TV Brasil Central.


Ele trabalhou nos jornais Cinco de Março, Folha de Goiás e Diário da Manhã. Era também proprietário da firma de publicidade “Rede de Assessoria e Propaganda Ltda”. Na TV Goyá, sua principal atuação foi no programa Goiânia Urgente, na década de 1980.


(Foto: Y. Maeda/Alego)


Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita dos responsáveis pelo Anápolis 360 graus. Editado por eLive Produções.

Estamos nas redes sociais

  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo