O desabafo contundente do delegado Manoel Vanderic

Titular da Delegacia de Crimes de Trânsito escreve texto após acidente que matou duas pessoas na Avenida Brasil, em Anápolis



DA REDAÇÃO


O titular da Delegacia de Crimes de Trânsito (Dict) de Anápolis, delegado Manoel Vanderic Filho, escreveu um desabafo no seu perfil no Instagram após acidente na Avenida Brasil Sul, no sábado (3.set), que matou duas pessoas, Emanuel Felipe Pires Martins, 15, e Eurípedes Tomé da Costa Filho, 26.


De acordo com as primeiras informações, o motorista causador da tragédia, Christiano Mamedio Silva, 34, dirigia em alta velocidade, estava alcoolizado e furou um sinal vermelho.


Leia o que escreveu Vanderic:


Polícia tem que prender é bandido! Eu tenho o direito de beber e dirigir meu carro. Comigo nunca vai acontecer. Eu bebi, mas tenho plenas condições de dirigir. Blitz é só um forma do Estado arrecadar dinheiro.


Hoje, mais dois jovens, crianças ainda, perderam a vida em razão da embriaguez ao volante, em Anápolis. Já chegamos na casa das 90 mortes este ano. Centenas de sequelados.


E hoje, a maioria da população grita por justiça, grita de revolta, está indignada.


O motorista que provocou o crime está preso na cadeia pública. Foi indiciado pelo delegado plantonista pelos dois homicídios e pela lesão corporal qualificados pela embriaguez.


Mas a prisão dele não tira a dor da família. Não traz de volta a vida dessas vítimas e das famílias que serão enterradas juntas.


Em homenagem a estas crianças, a estes tantos enterrados e a tantas lágrimas, o que a sua e a nossa dignidade e hombridade podem fazer, a única coisa que gera resultado, é PARAR de dirigir depois de beber.


Não adianta pagar de justiceiro atrás do smartphone. Não adianta gritar por justiça. Não adianta destilar o veneno e jogar pedras para todos os lados. O que vocês têm feito?


Amanhã é domingo e estarão todos nos bares bebendo e dirigindo. Estarão rindo dos amigos bêbados fazendo graça. Estarão falando mal da polícia e das blitzen. Estarão falando mal como sempre, sem fazerem nada pra evitarem mais dor.


Querem justiça? PAREM de beber e dirigir. PAREM de jogar pedras nos outros repetindo a mesma conduta. O que este motorista fez, vocês fazem toda semana. O que os difere dele? Um evento fora do controle daquele que sentou no volante depois de beber. Ou seja: são iguais.


Em poucos dias este motorista, que dormirá na cadeia, estará solto. Querem justiça? Evitem fazer a mesma coisa com o filho de outra mãe. PAREM de dirigir depois de beber.


Rede social, polícia, dor, não precisam de chilique vazio não. O que todos precisam ter é atitude: de controlar, segurar e vigiar seus amigos e parentes que dirigem.


Justiça se faz prevenindo essa dor. Justiça se faz prendendo antes da morte. Antes de a mãe fechar o caixão.

Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita dos responsáveis pelo Anápolis 360 graus. Editado por eLive Produções.

Estamos nas redes sociais

  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo